Quarta-feira, Junho 06, 2007

a cidade é grande quando se está só, essa noite é imensa porque tanto faz.

mil ruídos por todos os lados vêm de vidas tão longe que nem me imaginam.

há lembranças, muitas. metade aumenta o silêncio, as outras nem fazem eco.

o sono estanque essa noite, o sonho a condene à extinção sem causar espécie.